segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Ser diferente!


Tenho um amigo diferente
Que se chama Macário
Que toma banho com um pente
E eu guardo-o no armário.

É um amigo tão alto
Que me serve de escadote
Para subir às estrelas
A ver a lua de saiote.

Gosta de brincar comigo
E até jogar à bola
É um verdadeiro amigo
Que me põe juízo na tola.

Foi picado por uma abelha
E agora quando bebe
Sai-lhe a água pela orelha
E fica logo com sede.
  
Usa as novas tecnologias
Para com os amigos falar
E está no facebook
Muito feliz a cantar.

Mas as vezes é cabeça no ar
Não é que um belo dia houve
Em que estava a escrever
Uma carta numa couve.

Bebe o leite do pote
E come com uma forquilha
Esquece as boas maneiras
E não fecha a braguilha.

                                      Eduardo 4º A
                                    Centro Escolar de Cerveira

Eleições Parlamento Jovem


No dia 18 de Janeiro de 2013, na sala de alunos da Escola Básica e Secundária de Vila Nova de Cerveira, os estudantes tiveram a oportunidade de votar para o parlamento jovem referente ao seu ensino escolar, básico e secundário.
         Os alunos da escola, durante os intervalos, dirigiram-se à sala de alunos onde entravam na associação de estudantes para votar na lista que lhes parecia mais convincente, para mais tarde, a lista vencedora representar a nossa escola em Viana do Castelo.
         Dos 529 alunos da escola, 214 votaram nas listas do ensino básico e secundário.
         Depois de um tempo a fazer as contagens aqui estão os resultados:
→ Ensino Básico - vencedor: Lista A
→ Ensino Secundário – vencedor: Lista B
Parabéns às listas vencedoras e boa sorte!
Clube dos Pequenos Jornalistas

sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

Passatempo "Cherub"

A Biblioteca Escolar levou a efeito um passatempo baseado nos livros da agência Top Secret "Cherub".
Lidos os livros, os novos "agentes" lançaram-se na resolução do intrincado caso que era nem mais nem menos do que um teste para decifrar.
Os resultados não foram todos iguais e, por isso mesmo, a classificação também não poderia ser igual para todos. Houve "agentes" que sobressaíram na resolução do complicadíssimo mistério e receberam os louros da vitória que, diga-se em abono da verdade, era e é Top secret.
Todos os "agentes" tiveram certificados de participação com especial relevância para os vencedores que, além dos certificados ainda foram agraciados com alguma lembranças.




quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

“Haverá vida lá fora?”


Nas instalações da biblioteca da escola sede do Agrupamento de Escolas de Vila Nova de Cerveira, realizou-se, no dia 24 de janeiro pelas 15h e 30m, uma palestra orientada pelo professor Luís Cunha, da Universidade do Minho, subordinada ao tema: “Haverá vida lá fora?”. Esta palestra foi iniciativa da professora de Física e Química A, Conceição Rodrigues, destinada aos alunos do 11º Ano, Turma A, do Curso Científico-Humanístico Ciências e Tecnologias.





segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Aí está o inverno!

Chegou, e em força! Este ano, o inverno não deixa os seus créditos por mãos alheias e apresenta-se com todo esplendor: chuva, vento e frio quanto baste! Mas não deixa de ter a sua beleza... As Bibliotecas Escolares engalanaram-se para passar esta estação. Ficaram assim:





quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Recordações do Natal

“Encontro com o Pai Natal”
Estava no puf do meu quarto a ler uma banda-desenhada que retratava uma história sobre o Pai Natal.
Nesse preciso momento, mais ou menos na página 13 uma luz começou a brilhar e abriu-se um portal na minha banda-desenhada.
Estava assustada, mas como estava de castigo meti a minha mão e dentro da banda-desenhada saiu uma mão gorducha e grande que me empurrou para dentro da história.
- AHAHAH! - gritei eu enquanto ia caindo pelo buraco negro.
“Pumm”… caí no chão quando um homem gigante e todo vestido de azul estava a minha frente e disse-me:
- Bem-vinda, és a nossa heroína, és tu que vais matar a malvada Rainha do Gelo.
Eu enlouqueci:
- Primeiro, tu és o Pai Natal… não devias estar vestido de vermelho? E segundo, eu vou matar o quê?! - disse eu preocupada.
- Minha querida, eu sou um Pai Natal especial, e tu és a resposta à nossa profecia.
- Que profecia? - disse eu intrigada.
- Diz a lenda que uma heroína que não é das subterras vem ao nosso mundo e nos salva da Rainha do Gelo e traz a alegria ao nosso mundo.
Eu pensei para mim, que se calhar se salvasse  aquele mundo especial acontecia alguma coisa ou me davam algo, por isso alinhei.
O Pai Natal ficou muito contente e logo de seguida saíram de trás dele dois elfos: um deles tinha aspeto de treinar todos os dias e era corajoso, forte e bem-humorado; o outro tinha aspeto de ser um super dotado, um sabichão, era inteligente e isso ia ajudar-me mais tarde.
Eles explicaram-me como deveria lutar contra a Rainha e também me disseram tácticas interessantes e algumas técnicas de combate.
Passei lá 4 largas semanas a treinar que pareciam não acabar, até que era véspera de Natal e estava na hora de lutar contra a malvada Rainha. Rezei para mim que quando lutasse não partisse nenhum osso!
A luta foi numa arena e estavam lá todo o tipo de apoiantes a gritarem e a baterem palmas, enquanto eu entrava toda vestida com uma armadura prateada que brilhava ao sol e com uma espada.
A luta tinha começado e durou 30 minutos pois a Rainha era dura e difícil de vencer porque tinha um poder invencível.
No final dei um salto e gritei:
- Pelas crianças de todo o mundo! - disse eu levantando a espada e cortando-lhe a cabeça.
Todos gritaram e no final o Pai Natal disse:
- Obrigado, estamos-te eternamente gratos pela tua ajuda! - dizendo-me isso fui vendo tudo desaparecer e voltei ao meu puf. Saí do meu quarto, corri pelo corredor e fui ter à cozinha.
- Mãe, eu vi um Pai Natal e lutei contra uma rainha! – disse.
- Bem, estás louca, estou a ver que é a última vez que te ponho de castigo! - disse a minha mãe.
                                                            FIM
                
                                                                                    Catarina Ribeiro, 6ºB
                                                                            Clube dos Pequenos Jornalistas